Problemas de saúde na mulher

A vagina não é a parte externa da genitália feminina, ao contrário do que muitas pessoas pensam, aquele local é a vulva. A vagina é um canal achatado da frente para trás, através do qual ocorre a eliminação do fluxo menstrual. É bastante elástica e, graças a essa característica, possibilita a passagem do bebê na hora do parto.

Uma extremidade da vagina está ligada à vulva e outra ao colo do útero, mas também tem relação com a bexiga, uretra e com o reto. As dimensões vaginais variam de acordo com a raça, estatura e compleição física. Em média, mede de 6 a 8 centímetros de comprimento e 2,5 centímetros de diâmetro.

Estreitamento do Canal Vaginal

Alguns fatores podem alterar a cavidade vaginal, e o procedimento para estreitá-lo é feito através do preenchimento da região, com uma substância bio expansiva. A anestesia é local, sem cortes e a paciente pode retomar as atividades normais no mesmo dia. Este procedimento é indicado também em casos de flacidez na região, promovendo um rejuvenescimento da mesma.

Vaginismo

As mulheres com vaginismo sofrem espasmos musculares pélvicos no início da penetração. Estes espasmos involuntários podem quase fechar a vagina. A penetração, ou tentativas de penetração, são dolorosas. Muitas vezes, o vaginismo torna a relação sexual impossível.

O vaginismo pode decorrer de abuso sexual ou trauma passado, medo do sexo, ou problemas no relacionamento de uma mulher. Ele geralmente pode ser tratado com aconselhamento e terapia sexual que ensina relaxamento dos músculos pélvicos.

Frigidez na mulher

A palavra é forte e ainda incomoda muito um grande número de mulheres. A palavra frigidez foi criada no início do século 20 pelo fundador da psicanálise, Sigmund Freud, para nominar o que se considerava mulher fria, aquela que não tinha desejo sexual. O termo, hoje entendido como pejorativo, não é mais usado por estudiosos e profissionais da área.

O termo mais usual hoje é anorgasmia, que é a falta de desejo sexual. Essa é uma das disfunções sexuais mais comuns entre as mulheres. A anorgasmia é um problema sério que merece investigação das causas e tratamento adequado.

saude da mulher